Onde as palavras só serão lidas por quem as quiser absorver...

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

London

A janela esta aberta, e esta frio la fora... posso sentir o vento entrar e percorrer a minha pele!
Isto por aqui é diferente, o frio nao me gela pois ja me sinto gelada, o frio que paira por mim relembra-me aqueles que me aquecem...Tenho saudades vossas! Acho que nunca me aprecebi (como agora) da vossa importancia, infelizmente também me apercebi nao ser assim tao importante...Muito acabou, muito ira começar... Eu sabia que as coisas mudariam, mais tarde ou mais cedo, so nao pensei ser assim, desta maneira...

Marina (o teu nome ainda se escreve com mana sabias?) nunca quis que as coisas ficassem como estao, mas infelizmente passou um ano e tu ainda nao compreendeste como eu funciono! Ainda nao percebeste que nao é quando eu digo que te amo que o sinto, é essencialmente quando nao o faço! Mas ainda nao entendeste, nao foi? Nem notaste as vezes que sem eu dizer nada te disse tudo, as vezes em que so com um olhar te disse que te amava!
Agora, talvez seja tarde, talvez ja nao queiras sequer saber que ainda te amo e que "para sempre" ainda vale a pena... Acredita que eu mudei, ja nao vou baixar os olhos quando me magoares, ja nao vou fingir nao ouvir ou tentar esquecer, ja nem vou voltar a lutar... Tenho uma luta maior para travar, e sabes que nao irei desistir... Desculpa se ainda te amo e se te magoou com isso, isso nao mudara...

3 comentários:

Moon Girl disse...

Há escolhas que marcam a nossa vida positivamente mas há outras q fazem totalmente o contrário.

Apoio-te em qlqr escolha q tu faças, mesmo q n concorde com ela =)

LY @

Nini disse...

E desculpa se não consigo deixar de te amar como a amas a ela

Nini disse...

Merda escrevi um comentário grande demais e agora já não me lembro do que te escrevi...